241_logo-02 - Copia (2) - Copia - Copia

NOSSO BLOG

 

Pequenos negócios: vale a pena investir em um e-commerce?

por Leonardo Muller

Conheça o atual panorama dos pequenos negócios e veja as principais vantagens em ter um e-commerce

Muitas pequenas empresas não sabem, ao certo, se devem e quando devem começar o planejamento para ter um e-commerce para o seu negócio, principalmente quando já se tem uma loja física. Seja por desconhecimento, ou por receios bobos, muitos pequenos empresários imaginam que o mundo de vendas online é limitado para produtos de tecnologia e não conseguem “ver” o seu produto neste ambiente e nem as potencialidades de ganhos.

A economia brasileira é composta, em sua grande maioria, por pequenas empresas, que representam mais de 20 milhões de empreendimentos.

E quando falamos de e-commerce, os números são extremamente expressivos: de acordo com a pesquisa Webshoppers conduzida pela consultoria Ebit/Nielsen, o e-commerce brasileiro cresceu 41% em 2020, faturando 87,4 bilhões de reais. Essa alta no faturamento das vendas pela internet se deu, também, pelo aumento na quantidade de pedidos: foram 194 milhões, ou seja, 30% a mais que em 2019.

E se forem analisados os números de 2021, eles são ainda mais surpreendentes: de acordo com o estudo da Neotrust, o faturamento foi de R$ 161 bilhões. Já o número de pedidos chegou ao total de 353 milhões, sendo o ticket médio de R$455.

Ou seja, é importante para que os pequenos negócios ampliem a sua atuação e comecem a investir de maneira planejada dentro deste ambiente digital tão próspero e em franco crescimento.

E para compreender mais sobre este tema, no post de hoje vamos entender mais por que vale a pena para os pequenos negócios terem um e-commerce.

Contextualizando os pequenos negócios brasileiros

No Brasil, temos um total de 20.105.340 empresas, sendo que os microempreendedores individuais (MEI), microempresas (ME) e empresas de pequeno porte (EPP) representam 17.634.975, ou seja, representa, 87,71% do total de empresas brasileiras (Fonte: DataSebrae, 2022)

No geral, as micro e pequenas empresas têm diversas limitações de recursos, sejam eles financeiros, humanos e materiais. Por isso, muitos acreditam que investir em um e-commerce é uma solução incompatível com a realidade de um pequeno negócio. Este tipo de crença é totalmente errado e, pelo contrário: uma micro e pequena empresa pode se beneficiar muito do formato de vendas online.

Principais benefícios de um e-commerce para um pequeno negócio

Os dois anos mais intensos da pandemia trouxeram diversas consequências para o Brasil. Dentre elas, a necessidade de milhões de pessoas e negócios se reinventarem.

Para termos ideia de alguns números: em 2020, o Brasil registrou um crescimento na abertura de micro e pequenas empresas, totalizando mais de 1 milhão de novas empresas abertas.

E será que é possível um pequeno negócio investir no ambiente online? Certamente. As infinitas oportunidades oferecidas no mundo virtual fazem do comércio eletrônico uma boa aposta para qualquer tipo de negócio, pois é um espaço democrático que pode ser utilizado por micro e pequenas empresas para alcançarem novos clientes e ampliar o seu faturamento.

Vamos conhecer os principais benefícios?

Baixo investimento inicial

Abrir novas lojas exige um alto investimento inicial, além de ter um grande risco de oscilações e um custo operacional mensal extremamente alto.

Pelo contrário, ter um e-commerce exige, relativamente, um baixo investimento inicial, além do custo operacional mensal ser reduzido.

Alcançar novos públicos, nas mais variadas regiões

A possibilidade de alcançar um público muito mais amplo é real com um e-commerce, pois sua loja virtual pode ser encontrada e acessada por qualquer pessoa do mundo todo.

Isso não significa que você precisa criar estratégias para alcançar a todos, indiscriminadamente. O fato do e-commerce possibilitar essa grande ampliação das fronteiras, assim como o acesso a um público quase que infinito, gera também um grande desafio: definir estratégias assertivas para atingir o perfil do público ideal para o seu negócio.

Sua loja sempre de portas abertas

Em um mundo cada vez mais veloz, as pessoas querem que suas necessidades sejam atendidas quase que imediatamente. Logo, ter um e-commerce é estar disponível para esses clientes 24 horas por dia, durante os 7 dias na semana. Feriado? Sua loja está aberta! 2h da manhã? Seu negócio está ON. Medidas restritivas para combater a pandemia? Você continua vendendo.

Em um mundo com tantas instabilidades, o e-commerce é uma forma de manter um determino fluxo de vendas o ano todo.

Facilidade na criação de anúncios

Outro benefício importante de ter um e-commerce é a facilidade de criar anúncios, assim como lançá-los rapidamente. E tudo isso sem gastar com impressão de materiais para manter os consumidores informados.

Além disso, como vamos ver a seguir, os sistemas de análise de dados garantem mais controle sobre o desempenho de cada oferta e anúncio. Ou seja, é possível ter acesso em tempo real ao desempenho de cada um e, com isso, fazer os ajustes necessários.

Ter acesso às métricas

Uma grande vantagem dos negócios digitais e que, muitas vezes, é pouco utilizada pelos pequenos negócios são as métricas. Os relatórios de desempenho são uma fonte de ouro para uma tomada de decisão muito mais assertiva.

Para quem você vende mais? Que tipo de produtos? Em quais regiões? Todos estes dados podem ser importantes para você criar e melhorar as suas estratégias de negócio.

E o que você está esperando para começar a ter acesso a todas estas vantagens e colocar seu negócio em outro patamar? A Agência 241 tem soluções individualizadas para atender o seu negócio e fazer com que suas vendas aumentem o ano todo. Fale agora mesmo com nosso time de especialistas.

Artigos Relacionados

10 Dicas Para Seu E-commerce Decolar em 2023​

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.